3 de dezembro de 2010

Sexo é a única actividade em que estamos concentrados

“A nossa vida mental é invadida a um nível considerável por quem não está presente,” excepto durante a actividade sexual – revela um estudo de uma equipa de investigadores de Universidade de Harvard publicado esta semana na revista Science.
Eu ando com algumas dificuldades de concentração no trabalho, e tenho tanto mas tanto para fazer, e há ali um colega que até é jeitoso, será que devo? Será que os meios justificam os fins? Será esta a única forma de colocar o meu trabalho em dia? Os cientistas dizem que sim, e eu acredito na ciência.

24 comentários:

Pedro disse...

Mesmo que não fosse pela concentração, não sei do que estás à espera! :X

Tulipa disse...

De tempo :)

Rafeiro Perfumado disse...

Se assim fosse não haveria tanta gente a fazer sexo enquanto imagina estar com outra pessoa! ;)

AngeliC disse...

De certeza que existem outras formas de colocar o trabalho em dia, duvido é que dêm tanto prazer!:)

SunFlowerGirl disse...

Como a música diz "I wanna do bad things with you!" Não sei do que estás à espera!?! Tomara eu ter um colega jeitoso! Rnhauuu :)

Tulipa disse...

Rafeiro, bem visto! :)

Angelic, há que procurar o prazer em tudo o que fazemos! :)

SunFloweGirl, hipoteticamente falando, estava hipoteticamente falando (ou escrevendo). :)

manjedoura disse...

concentrar-se consiste em eliminar os elementos de distracção e mais não digo...
um bom fim de semana

Pulha Garcia disse...

Tema interessante. Engraçada a forma como as pessoas interpretam o assunto. Eu por exemplo li "por quem JÁ não está presente".

(eu acho que deves; o mais possível; vais ver que o trabalho até vai logo de outra forma)

Tulipa disse...

manjedoura, pode ser eliminação através de fuzilamento? :)
bom fim de semana

Tulipa disse...

Pulha Garcia, a área da neurolinguistica também me desperta muita curiosidade:)

Imperator disse...

experimenta!

em ultimo caso, mandas uma cartinha aos senhores cientistas a chamar-lhes aldrabões e mentirosos

Tulipa disse...

É só escrever a palavra sexo e aparecem os imperadores :)
Vou seguir o teu conselho, é assim que aprendemos não é? a experimentar?

Catarina Reis disse...

Com um colega de trabalho é sempre um risco grande... mas se os meios justificam os fins.
Beijos

Tulipa disse...

Nem sempre os meios justificam os fins :)

Muss disse...

Não sei se te vai ajudar com o trabalho em atraso, mas pelo sim pelo não experimenta! Haaa, e depois já sabes, qualquer estudo ciêntifico deve ser replicado várias vezes para ser validado, por isso deves repetir a experiência!!! :)
Pelo bem da ciência....

Tulipa disse...

Muss, pelo bem da ciência parece-me uma boa desculpa :))

pedro b disse...

se ao menos a MA fosse mais nova... ;)

Tulipa disse...

MA? :)

El Matador disse...

Comecei a ler o post mas depois desconcentrei-me, fala sobre o quê mesmo?

pedro b disse...

MA é a minha colega de trabalho e sobre quem eu vou relatando eventos lá no meu petit cabanon (espreita aqui)

Tulipa disse...

pedro b, a tua colega é hilariante, já tinha lido :)

Tulipa disse...

Matador, fala de sexo :)

Cortesã disse...

lool duvido um bocado desse estudo , há quem esteja a fazer sexo e a pensar no que vai vestir amanhã:)
Mas o post está muito didatico! :)

Tulipa disse...

Cortesã, didatico é uma palavra bonita :)