19 de junho de 2012

No meu local de trabalho até as baratas são especiais. Há uma de estimação que está na parede há três dias. Eu estou cheia de comichão há três dias. A minha mania da perseguição aumentou, sempre que vou à casa de banho ela está a olhar para mim. Parece que não incomoda mais ninguém, só a mim. Se calhar vou ter que me mudar, quem está mal muda-se.

12 comentários:

Rita disse...

lol! :)

Tulipa disse...

Continua lá :)

Catarina Reis disse...

Pois as Baratas primeiro. EH!EH!, Beijos

luisa disse...

Se calhar é perseguição... mas a algum(a) colega do trabalho. Ela só olha para verificar se finalmente é quem pretende...
Não ligues. Ou então a coisa pode resolver-se com uma sapatada, não?

Tulipa disse...

São umas sobreviventes as baratas :)
luisa, colocou-se bem lá alto com a mania que é superior :)

Brown Eyes disse...

ahahahah
Mata-a. Mais fácil. No meu serviço não há baratas mas há pó a potes. Beijinhos

Tulipa disse...

Já está :)

60 Sinais disse...

Peço desculpa mas para mim baratas o unico direito dos animais que tem é de uma morte rapida e nada dolorosa, então alguem ja devia ter dado com um jornal no raio do bicho!! (Mas à tres dias no mesmo sitio...ca para mim ou já morreu ou está a jogar ao sério)

Mak, o Mau disse...

Por vezes, a barata sai cara.

Tulipa disse...

60 sinais, nunca mataste uma barata :) das grandes :) é que elas não morrem assim com um jornal :)

Mak, a barata, neste caso, desapareceu...

Briseis disse...

Comigo passa-se quase o mesmo... Mas o meu bichinho de eleição é a aranha... Toda a gente as acha giras, eu não suporto nem olhar para elas. E sou incapaz de me aproximar o suficiente para as matar... Sou tão infeliz...

Tulipa disse...

aranhas também não me fazem confusão, convivo bem com elas :)